MENU

28 C
Goiânia
sábado, 6 março 2021
Início Esportes Galo: Réver desabafa sobre “corpo mole” e lamenta não ser campeão do...

Galo: Réver desabafa sobre “corpo mole” e lamenta não ser campeão do Brasileiro

O zagueiro também falou sobre a falta que o técnico Jorge Sampaoli vai fazer na equipe, se sua saída for confirmada

Um dos remanescentes do título da Libertadores de 2013, e um dos jogadores mais experientes do elenco do Atlético, o zagueiro Réver desabafou, na manhã desta sexta-feira (19), sobre as críticas recebidas pelos torcedores na reta final do Brasileiro. Já sem chances de título, os jogadores foram acusados de fazerem “corpo mole” para prejudicar o trabalho do técnico Jorge Sampaoli. 

“É difícil até te responder. Acho que vou até manter um pouco o senso porque não é possível que isso vem acontecer. A gente fica assim chateado também por tudo que gera, por todo burburinho que colocaram nesse período pós-jogo do Bahia. É inadmissível. Você está um certo tempo sem uma conquista tão importante para o clube e, faltando tão pouco para conquistar esse objetivo, não só dos atletas e sim de milhões de torcedores, de uma diretoria que não mediu esforços para que isso não pudesse acontecer, e você escutar que jogador está deixando de correr por vaidade”, desabafou Réver.

O zagueiro atleticano também comentou a possível saída do técnico Jorge Sampaoli, antes do fim do contrato, que termina no fim do ano. Réver disse que seria uma grande perda para a equipe.

“Sobre a questão do treinador, se realmente vier a concretizar, a gente vai sentir muito a perda do Sampaoli. Até porque foi um cara acabou implementando uma filosofia, uma maneira, um estilo de jogo que todo mundo aí fora cobra, mas ninguém quer pagar o preço, e ele aqui acabou fazendo isso. Se vier a concretizar, nós vamos sentir muito a ausência dele, mas talvez pode ser o melhor pra ele. Todo mundo tem que sentir feliz onde quer que esteja, mas volto a frisar, para gente seria uma perda muito grande”, afirmou.

O Atlético tem mais dois jogos, nesta reta final do campeonato, mas não tem mais chances de ser campeão. Apesar disso, o Galo segue na briga por uma vaga na fase de grupos da Libertadores. O zagueiro lamenta não conseguir o título do Brasileirão.

“A gente acaba ficando muito chateado, frustrado pelo que aconteceu de não poder estar brigando pelo título até porque era o maior objetivo do clube esse ano. Já que o primeiro semestre foi totalmente frustrado com eliminações absurdas que tivemos, nós entramos fortes no Campeonato Brasileiro e, por um detalhe ou outro, nós acabamos deixando a desejar, coisa que não deveria acontecer”, disse o zagueiro. 

O próximo desafio do Galo é contra o Sport, neste domingo (21), na Ilha do Retiro, às 16h. O Galo pode garantir vaga na fase de grupos da Libertadores no confronto em Recife. Depois, o Atlético recebe o Palmeiras, na quinta-feira (25), às 21h30, no Mineirão, pela última rodada do campeonato. 

Por: Giovanna Pires

Últimas Notícias

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui